Girls in the Library

Artigos completos

Minhas principais publicações científicas

 

Por que usar a LM na aula
de LE: do plurilinguismo ao
translinguismo

Uma questão recorrente com a qual se deparam os professores de língua estrangeira (LE) é o que fazer quando os alunos se expressam em sua língua materna (LM) durante a aula. Este artigo apresenta argumentos em favor do uso da LM como recurso para a aprendizagem de LE.

Por uma educação linguística Translíngue e Decolonial: questões para o ensino de alemão

Neste artigo, defende-se a substituição de muitas práticas de ensino de alemão já consolidadas no Brasil pela educação linguística crítica em alemão. São apresentadas provocações práticas para a educação linguística em alemão para o povo brasileiro, reforçando que uma tal educação linguística só pode ser construída a partir de uma perspectiva translíngue e decolonial.

A influência do plurilinguismo na L1

Nesta resenha, explico por que as nomenclaturas "monolíngue" e "plurilíngue", "nativo" e "não-nativo" já não fazem sentido na Educação Linguística do século XXI: o conhecimento de recursos pertencentes a outras línguas influencia o modo como usamos a língua materna.

Combatendo fake news: literacia no pensamento crítico

Nesta resenha, são definidos os conceitos de literacia, popularmente chamada letramento, e pensamento crítico. São estabelecidas relações entre a literacia e capacidades cognitivas como a memória, a compreensão da linguagem e, consequentemente, o pensamento crítico. Desse modo, fica claro o papel da literacia no combate às fake news.

Passado, presente e futuro do ensino de línguas no Brasil

Este trabalho revisita a história do ensino de línguas no Brasil sob um olhar questionador, fornecendo subsídios para um posicionamento histórico-crítico dos professores de línguas no Brasil. Delineia-se um panorama histórico-político do ensino de línguas no país, situando três aspectos em paralelo: as línguas ensinadas nas escolas desde o início da colonização, as políticas linguísticas concernentes a esse ensino e os métodos de ensino de línguas vigentes em cada época. Então, observa-se algumas relações entre esses aspectos e as condições atuais de ensino de línguas nas escolas brasileiras.

Decolonizar o precariado em meio à pandemia: covid-19 versus Ciências Humanas 

Artigo mais voltado à área das Ciências Sociais, tem como objetivo defender a importância do pensamento decolonial para superar as atuais e futuras  consequências da crise causada pela pandemia da doença Covid-19. Argumenta-se que deixar de lado as Ciências Humanas para, supostamente, priorizar os investimentos nas Ciências Biológicas não passa de um engodo do Poder Público.

Descomplicando a metodologia de pesquisa para professores

Em tempos de descaso com a ciência, talvez por falta de conhecimento das características do método científico, é fundamental a qualquer profissional do ensino saber o básico sobre ele.